2.11.07

Miss Tapes
#47

Edição de Primeiro Aniversário

.Tim Hecker - I’m transmitting tonight (extracto)
.Scott Walker - On your own again
.Tom Waits - I’m still here
.Barry Adamson - The violation of expectation
.Aphex Twin - Xtal
.Lali Puna - Together in electric dreams (Human League cover)
.Radiohead - Nude
.Junior Boys - FM
.Montag - No one else
.My Little Airport -
荔枝角公園
.Goldfrapp - Number 1 (Múm Remix)
.Beach House - Childhood
.Grizzly Bear - Reprise
.Matthew Dear - Give me more
.Smog - Chosen one
.Richard Hawley - The ocean
.Gallon Drunk - To love somebody

.Nick Cave & The Bad Seeds - Something’s gotten hold of my heart
.Fleetwodd Mac - Albatross
.Jeff Buckley - Morning theft
.Galaxie 500 - Ceremony
.My Little Airport
- 美孚根斯堡與白田珍寶金
.Moondog - Pastoral
.Destroyer - The music lovers

Para ouvir.
Para guardar.

Agradecer a todos quantos aqui voltam.
Agradecer ao Francisco Amaral, ao Francisco Mateus e à Maria José Lobato.

8 comments:

Zito said...

soa a best-off :)

Anonymous said...

Parabéns Hugo. E obrigada pelo bons sons passados no seu podcast.
É sempre com muita expectiva que faço o download para o iTunes e escuto as misstapes quando viajo pela "naincerteza".

Albeira

Francisco said...

Já um ano de Miss Tapes ? O TEMPO ... esse grande escultor ! Esta edição está espantosa. Agora ligo o iPod ao rádio do carro e posso ouvir, mesmo quando vou a conduzir. E ouço à noite. E estes sons remetem-me sempre para o mesmo : estamos condenados a um amor eterno. E não há amor eterno feliz. Eu digo que não há AMOR feliz. Os amores felizes tornam-se leves e desvanecem-se muito facilmente. Os amores eternos são infelizes, tortuosos e inspiradores. Sem os amores eternos não haveria criação ! Esta edição de Miss Tapes é uma criação eterna.

Francisco Mateus said...

Parab�ns, Miss
Sou grande f� deste Podcast. Os meus parab�ns e �nimo para a continua�o do bom gosto e do bom trabalho.

Forte abra�o & sauda�es radiof�nicas

Francisco Mateus

P. Vicente said...

Soa mal, porque o HP, à semelhança de muitos autores de programas míticos de rádio, não passa música portuguesa.

Helder Barbosa said...

Tomei conhecimento das Miss Tapes via Íntima Fracção algures pela edição trinta... Desde então é paragem obrigatória. Com gosto faço o download do trabalho do Hugo Pinto, uma verdadeira homenagem à música com sentido, com lógica e com sentimento ou sensação, se se quiser. Um mimo para quem não suporta ouvir músicas que, mesmo com qualidade, aparecem umas em cima das outras sem nexo. Um trabalho como este, que comparo ao do Francisco Amaral, é raro e deve ser estimado. Bendita Internet. Parabéns.

Já agora, não consigo o download d Miss Tapes 44. Que poderá ser feito?

HP said...

It takes strenght to be gentle and kind...
Obrigado pela força. Mesmo.

ps.Como deve saber quem tem parado por aqui, houve problemas com o antigo sítio onde estavam alojadas as Miss Tapes (podomatic.com). Uma boa parte sumiu-se. Up in flames. Quem não guardou, pode sempre entrar em contacto comigo que terei todo o prazer em disponibilzar os ficehiros que faltam.

DaCosta said...

Estou curioso, vou neste preciso momento começar a navegar no teu blogue. A minha curiosidade prende-se com o facto de teres posto em podcast Sébastien Tellier - La Ritournelle o que para mim é sinal de muito bom gosto! Estou a iniciar um blogue, mas pouco percebo de tal, de musica alguma cosinha. Sei que não precisas da minha opinião para nada mas à posteriori e com a tua licença irei dá-la!